Home

Concentração STOP Homofobia

No dia 15 de Maio de 2005 cerca de 300 pessoas afirmaram publicamente que a homofobia não pode ser tolerada em Portugal.

Em 2005, Viseu foi berço da homofobia em Portugal.

os paneleiros ‘hádem’ morrer todos, havemos de correr com eles daqui para fora”

Em março desse ano a cidade foi notícia em todo o país quando associações de defesa dos direitos das pessoas LGBT denunciaram a existência, em Viseu, de um “gangue” organizado de 30 pessoas que sistematicamente agredia fisicamente pessoas homossexuais que se juntavam no quilómetro 87 do IP5.

Levantou-se uma onda de condenação por todo o país, tendo levado a que várias associações LGBT, de direitos humanos e partidos políticos se tenham juntado e concentrado naquela que foi a primeira manifestação em Portugal contra a homofobia.

Denominada de “STOP Homofobia”, a manifestação que juntou mais de 300 pessoas que ocuparam as ruas de Viseu no dia 15 de maio, foi também marcada por agressões verbais aos presentes.

A história do movimento LGBT em Portugal

Maio de 1991

Surge dentro do Partido Socialista Revolucionário “PSR” um Grupo de Trabalho Homossexual “GTH-PSR” que manterá actividade regular até 2003. No 1º de Maio o GTH-PSR marcha com uma faixa no desfile da CGTP. Os jornais relatam que a central sindical “ficou embaraçada”.

Março de 2005

A jornalista Fernanda Câncio publica vários artigos onde denuncia os ataques do “gangue” organizado de 30 pessoas que atacava sistematicamente aquela comunidade, tendo conseguido identificar e entrevistar os próprios agressores.

07 de Outubro de 2018

Realiza-se em Viseu a 1.ª Marcha Pelos Direitos LGBTI+, intitulada de Já Marchavas, que contou com a participação de cerca de 1000 pessoas. Pouco tempo depois viria a dar origem ao movimento Plataforma Já Marchavas.

Títulos da Imprensa

Milícia persegue homossexuais em Viseu

26 de Março de 2005 – Diário de Notícias

Gangue persegue comunidade gay

23 de Março de 2005 – Jornal de Not´ícias

“Num dos casos raptaram um indivíduo, ataram-no, queimaram-no com a ponta de um cigarro e abandonaram-no”

Correio da Manhã

Comunidade homossexual de Viseu tem “medo de sair à rua” durante a noite

10 de maio 2005 – Público Online

Ficha Técnica

Este projeto surgiu no âmbito da 8.ª edição da Sementeira, organizada pelo Bloco de Esquerda de Viseu, e foi apresentado nos dias 4, 5 e 6 de setembro de 2020, na Praça D.Duarte, em Viseu.

Agradecimentos pela cedência das imagens e textos: Carlos Vieira, Elsa Batista, Esquerda.Net, João Paulo, Panteras Rosa, Portugal Gay, Sérgio Vitorino.

Todas as Fotografias são da autoria de Cláudia Damas / Arquivo Panteras Rosa

Create your website with WordPress.com
Iniciar